| | | | |

Google Tech Talks: Matthieu Ricard fala sobre meditação e felicidade

por 10/05/2009 2 comentários

ricardEssa careca cheia de 256 eletrodos de EEG é de Matthieu Ricard, um dos integrantes do Instituto Mind and Life, conhecido aqui no Brasil pelo livro O monge e o filósofo e pelo mais recente Felicidade: a prática do bem estar.

Após trabalhar no Instituto Pasteur e obter seu doutorado em biologia molecular, na década de 70, Matthieu Ricard se dedicou a estudar e praticar o budismo.

Depois de um longo treinamento, hoje ele é considerado um dos homens mais felizes do mundo. Você duvida? Então ouça o que ele tem a dizer sobre o efeito da meditação e das práticas contemplativas no cérebro.

Nesta palestra, parte do Google Tech Talks, ele se propõe a falar de felicidade autêntica, que não depende de condições – não a que estamos acostumados dentro dos altos e baixos da vida. É engraçado como ele fala igual o Dalai Lama, às vezes como uma criança, às vezes com uma precisão de dar medo.

Vários slides mostram gráficos de testes neurológicos com meditantes experientes e grupos de controle, pessoas que nunca meditaram. Como Matthieu é também fotógrafo, algumas imagens são lindas. Eis o vídeo da palestra na íntegra (a introdução, feita por um funcionário do Google, é hilária!):

* Sobre o mesmo tema, Matthieu falou no TED. Assista online.

Blog Widget by LinkWithin

Gustavo Gitti é aluno do Lama Padma Samten. Pode ser encontrado às quintas no CEBB São Paulo. | Leia outros posts de


Receba o próximo texto

2 comentários »

  • A vida de Dilgo Khyentse Rinpoche | Bodisatva: o olhar budista disse:

    […] filmagem durou 10 anos, desde que Matthieu Ricard e Vivian Kurz começaram a recolher gravações de seu mestre, e passou por Nepal, Butão, Índia e […]

  • Mariana Aurélio disse:

    Muito bom esse vídeo do M. Ricard. É sempre inspirador ver o Dharma ser expressado e ensinado sem os “termos técnicos” e religiosos e tanto conhecemos, e se infiltrando nas mentes e corações à paisana. É possivel ver a classificação de ensinamentos que M. Richard fala sem sequer usar uma palavra em tibetano. Gratidão aos professores que, através de grande perspicácia e talento, conseguem transmitir o Dharma de forma não-religiosa – o Dharma do Buda se enveredando silenciosamente, pelas costas.

Deixe seu comentário!

Esse site usa o sistema Gravatar. Para que sua foto apareça, basta se cadastrar.