| | |

Proteger de dentro pra fora: sobre o blog “Meditando com as crianças”

por 26/05/2010 5 comentários

Este desejo brotou de um profundo amor por uma criança… Dessas coisas mágicas que as crianças são capazes de fazer sem querer. Mas devo confessar que brotou também de uma angústia frente à fragilidade. Me fez pensar que o mundo de quem é “gente grande” não é propriamente cuidador de “gente pequena”. Uma clara demonstração disso é o marketing direcionado ao “mercado infantil”, não é verdade?

Mas o mundo ao mesmo tempo está repleto de experiências maravilhosas. Bom seria se as crianças pudessem escolher as experiências que fazem bem, ou que ao menos conseguissem lidar melhor com suas experiências no mundo.

Inspirado por João Pedro e dedicado a todas as crianças

A meditação é um caminho poderoso! Há um número enorme de pessoas dedicadas a encontrar formas de conectar as crianças a este caminho o mais cedo possível, como o nosso mestre querido Lama Padma Samten. E muitas outras pessoas com as mais diferentes habilidades e sabedorias.

Meditação para crianças pode parecer meio estranho à primeira vista. O Zé, um amigo meu querido, mas que não desfruta da convivência com nenhuma criança, acha até bem desnecessário. Entendo que ele não seja capaz de observar o estresse ao qual as crianças estão expostas. Mas é só olhar de perto o mundo de uma criança para entender melhor.

Também é certo que “meditação” para crianças deve ser apropriada. Seria bem difícil que uma criança se beneficiasse de 30 minutos de meditação silenciosa. Mas é possível mostrar a elas o caminho de um estado de maior tranquilidade e de calma com práticas simples de respiração, por exemplo. Vale também incorporar atividades mais tranquilizadoras ao dia-a-dia das nossas crianças, apesar dos vídeogames e dos filminhos do Ben 10.

Não seria esta uma grande prática pra todos nós?

Leia mais em meu blog “Meditando com as Crianças”.

Blog Widget by LinkWithin

Jeanne tem se dedicado de todo coração a um sonho antigo: simplificar a vida. Conduz alegremente as práticas no CEBB SP nas noites de segunda e quarta. | Leia outros posts de


Receba o próximo texto

5 comentários »

  • Gustavo Gitti
    Gustavo Gitti disse:

    Adorei o blog, Jeanne!

    Muito bom saber que esse trabalho está começando aqui no Brasil também. Meus parabéns.

    Aliás, hoje escrevi sobre o Mind and Life aqui:

    http://papodehomem.com.br/hoje-um-grande-momento-da-historia/

    Abração.

  • Criz disse:

    Olá jeanne
    Adorei esta de meditação para as crianças tenho filhos e eles adoram quando os convido pra fazer yoga e meditar!
    Mas noto que eles têm dificuldade de ficarem quietos, claro!
    Você teria alguma dica pra auxiliar a cultivar esse interesse neles?
    Abraço

  • Anizio disse:

    Como professor de ensino fundamental e médio durante dez anos,
    percebi o quão os múltiplos estímulos e cobranças sobre os jovens dificultam o pleno desenvolvimento de suas capacidades. Bela iniciativa.

  • Marly Cuesta disse:

    Nossa, Gitti, obrigada pelo presente.Adorei! Leituras empoderantes e sempre atuais, apesar de ser escrito em 2010.
    Jeanne, gostei muito de ler o que escreves.
    Nas barranca do rio Solimões e depois em outras cidades onde nunca ouvi falar em Meditação, faça ideia com crianças, valia-me da oração em família, herança familiar,claro.O que hoje em dia, quase não se vê esses momentos em família.
    Sou Educadora Popular e lendo “Meditando com as Crianças”, fico a imaginar no quanto seria salutar essas práticas nas vilas com as crianças carentes.Mas para isso, sem verba, teríamos que convidar alguma pessoal voluntária. Poderiam informar algum profissional aqui em Porto Alegre?
    Gitti, visitei o papodehomem e li com satisfação “Impessoalidade.
    Pesquisei sobre TaKeTINa… sou muito curiosa, rs… e encontrei o site
    http://www.taketina.com/..achei fantástico esse método,
    mas vi que aqui no Brasil não tem Instrutores, é isso mesmo? Onde estás a fazer o teu Curso, na Europa?
    Por falta de verba, estamos no início de um projeto de música para crianças e jovens que lembra um pouco esse método TaKeTINa.Mas nunca tinha ouvido falar de Taketina, foi idéia do professor de inovar dado à falta de instrumentos musicais.
    Abração e continuem com muita luz na missão,
    Marly Cuesta
    Educadora Popular
    Coord.Ponto de Cultura Voluntário “Vitória-Régia”

  • Decio Pilli disse:

    JE NÃO ESQUEÇA DO ASILO/CRECHE
    PA

Deixe seu comentário!

Esse site usa o sistema Gravatar. Para que sua foto apareça, basta se cadastrar.