| | |

Trulshik Rinpoche

por 14/09/2011 9 comentários

Kyabje Trulshik Rinpoche, líder da escola Nyingma e um dos alunos e amigo mais próximo de Kyabje Dilgo Khyentse Rinpoche, faleceu no dia 02 de setembro de 2011, aos 88 anos, em sua casa em Sitapaila, Kathmandu.

Trulshik Rinpoche nasceu em 1923, em Yardrok Taklung, no Tibete central. Ainda muito jovem foi reconhecido como a reencarnação do Tertön Dongak Lingpa e era igualmente considerado como a reencarnação de outros grandes mestres do Tibete e da Índia.

Rinpoche estudou com os maiores mestres da sua época e recebeu uma educação totalmente tradicional. Quando da invasão do Tibete, Kyabje Trulshik Rinpoche refugiou-se com os seus discípulos num local inacessível no Sul do Evereste, num retiro de montanha que ainda hoje não tem acesso por estrada. Passou lá muitos anos de retiro e fundou um mosteiro, Thubten Chöling, onde vivem, estudam e praticam numerosos discípulos monges, monjas e laicos.

Kyabje Trulshik Rinpoche era um discípulo muito próximo de Kyabje Dudjom Rinpoche e de Kyabje Dilgo Khyentse Rinpoche. Foi o detentor de todos os ensinamentos deste último, tendo sido ele a descobrir a sua presente encarnação. No decurso destes últimos anos Kyabje Trulshik Rinpoche  transmitiu a Sua Santidade o Dalai Lama inúmeros ensinamentos raros, particularmente da linhagem da Grande Perfeição ou Dzogchen.

Nos CEBBs de todo Brasil as dedicações das práticas começam com uma prece composta pelo Rinpoche.

“Que os méritos desse encontro se expandam e toquem a todos. Que o mestre universal da paz e da compaixão, Sua santidade o Dalai Lama, juntamente com todos os mestres de todas as tradições que veiculam esta mensagem, tenham  longa vida.
Que todos estejam a salvo de gerar pensamentos negativos, o obstáculo mais destrutivo.
Que esses pensamentos nunca surjam em nossa mente e que todos os seres estejam livres de pensamentos negativos.”

Outros versos compostos por Trulshik Rinpoche abaixo:

“Se você quiser procurar por um guru, busque através da investigação;
Se você quiser seguir o Dharma, medite sobre a impermanência;
Se você quiser praticar o Dharma, pratique a compaixão e a bondade amorosa;
Se você quiser saber qual é a visão pura das emoções,
olhe para os sonhos e para as ilusões!”

“Confie no ensino, não na pessoa;
Confie no significado, não nas palavras;
Confie no significado definitivo, e não no provisório;
Confie na sua mente de sabedoria, não em sua mente comum “.

“Seja uma luz para si mesmo. Exercite a sua liberação com diligência “.

“A forma como as pessoas nos tratam é o karma delas. A forma como reagimos é o nosso.”

Leia o resumo dos ensinamentos de Trulshik Rinpoche em 2001, em Portugal.

Blog Widget by LinkWithin

| Leia outros posts de


Receba o próximo texto

9 comentários »

  • Clarissa Dutra Fabricio disse:

    “Os melhores ensinamentos que aprendi,recebi do

    Lama Padma Santem .”

  • chodon disse:

    boa tarde: acrescento que Lama Padma Samten o encontrou em Lisboa, Portugal e resumiu seu ensinamento. Por aqui ainda temos esse resumo. tudo de bom no darma.

  • ieda estergilda de abreu disse:

    Obrigada, Miguel, pelas informações sobre Trulshik Rinpoche! O texto de dedicação nos toca de forma sempre tão intensa, não é? Só de pensar nos longos anos de retiro que ele passou em lugares tão remotos, e pelo bem dos seres, pela visão mais profunda..
    Abraço
    Ieda

  • eliana de pontes disse:

    Querido Miguel,fico muito feliz com as informações que tem me passado e particularmente esse texto foi enriquecedor para meu conhecimento sobre os Mestres do Budismo Tibetano.Abraço!Eliana

  • eunice bueno disse:

    Sou feliz por manter -me informada dos eventos do CEEB…posso fazer escolhas de acordo com que posso…e de vez em quando estar nesse canto da sabedoria e paz…Estar ai no Caminho do meio é merito…que eu possa como vc Miguel estar em contato com o conhecimento e os conhecidos logo logo…abraços
    eunice bueno

  • A Verdadeira ‘Era das Trevas’ | Bodisatva: um olhar budista disse:

    […] últimos anos perdemos algumas das maiores manifestações do Buda, como Kyabje Trulshik Rinpoche, Mindroling Trinchen Rinpoche e Penor Rinpoche, que foram grandes inspirações e lembranças. Mas, […]

  • CACILDA APARECIDA DA COSTA PARANHOS disse:

    PARABÉNS DISSEMINAR AS COISAS POSITIVAS E SÁBIAS NOS FAZ SERMOS MAIS HUMANOS E TER QUALIDADE DE VIDA… GRATA…

  • Rita disse:

    Obrigada por compartilhar estes ensinamentos. Tenho ainda uma curiosidade, talvez possa me explicar por estar tão próximo ao CEBB – ouço a maioria dos podcasts do Lama Padma Santem e ele faz um mantra,ou no início ou no final, creio que em sanscrito, já tentei achar no yotube mas não consegui. Seria a mesma dedicação acima?

  • chodon disse:

    a oração é as 7 linhas de Guru Rinpoche pode encontrar no you tube:
    http://www.rigpawiki.org/index.php?title=Seven_Line_Prayer

Deixe seu comentário!

Esse site usa o sistema Gravatar. Para que sua foto apareça, basta se cadastrar.