Aspiração de Dzongsar Khyentse Rinpoche

por 12/05/2015 3 comentários

por Dzongsar Khyentse Rinpoche (com tradução de Jeanne Pilli)

“Aspire não apenas entender o Darma intelectualmente, mas também compreendê-lo experiencialmente.

Aspire corporificar bodicita absoluta e relativa, e assim não apenas a sua boa aparência, conhecimento e influência política atrairão e magnetizarão os seres sencientes.

Aspire criar conexões com as pessoas — mesmo com aqueles que você vir só de relance, com uma camiseta de cores vivas em meio à multidão — que possam ter como resultado uma semente de Darma plantada em suas mentes.

Aspire o contínuo florescimento do Budadarma e reze para que surjam muitos grandes detentores do Darma e que seus esforços para libertar todos os seres sencientes sejam livres de obstáculos.

Aspire que seu corpo, seu propósito, e todas as suas ideias e pensamentos, de uma forma ou de outra, tornem-se benéficos para os seres sencientes. Por exemplo, se de repente tiver um desejo de verificar a situação do mercado de ações, possa esse pensamento mundano amadurecer em uma manifestação benéfica.

Aspire nunca renascer na família de um bilionário, porque essas circunstâncias fariam com que você tivesse uma visão de mundo cor-de-rosa e o privaria da riqueza de compreender o Darma. Ao mesmo tempo, aspire tornar-se presidente dos Estados Unidos, da China ou da Rússia, para que possa beneficiar habilmente seres sencientes com o poder que esse trabalho trouxer para você.

Aspire tornar-se uma prostituta em um decadente distrito da luz vermelha de uma grande cidade, e que a bodicita brote na mente de qualquer um com quem você tenha contato.

Aspire praticar o Darma minuciosamente e completamente, e reze para que não fique sempre esperando o momento certo para começar a praticar. Quando tiver tempo, vá para algum lugar calmo e pratique.

Aspire nunca adiar uma prática que você já conhece porque deseja obter um conhecimento mais intelectual do Darma.

Aspire vivenciar a tristeza.

Aspire sempre tomar a direção certa, por mais ignorante que você possa ser. Reze para que quando você correr atrás de desejos sem sentido, o objeto de seu desejo leve você a beneficiar os seres sencientes. Quando perder a paciência, possa você se sentir constrangido com o seu comportamento e ganhar alguma realização. Quando se sentir deprimido, possa a própria depressão ser a causa para você realizar a verdade.

E o mais importante de tudo, sempre aspire aspirar.”

Dzongsar Khyentse Rinpoche

Blog Widget by LinkWithin

Gustavo Gitti é aluno do Lama Padma Samten. Pode ser encontrado às quintas no CEBB São Paulo. | Leia outros posts de


Receba o próximo texto

3 comentários »

  • Andre Martinez disse:

    Grande mestre..! Aspiro de todo coração que sua presença, suas ações de corpo, de fala e de mente e todas suas futuras emanações sempre possam derramar a luz de sua infinita sabedoria para todos os seres, em todas as direções..!!
    Eterna gratidão!

  • Alexandre disse:

    de onde é este texto?

  • Alexandre disse:

    alguém poderia me responder de onde é este texto?
    pois gostaria de usá-lo e queria saber a fonte

Deixe seu comentário!

Esse site usa o sistema Gravatar. Para que sua foto apareça, basta se cadastrar.